publicidade

pesquise aqui sua simpatia

----------------------------------------------
Custom Search
--------------------------------------------

publicidade

----------------------------------------- ----------------------------------------------- ----------------------------------------------------------------------------------------- ---------------------------------------------------
Mostrando postagens com marcador preto velho. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador preto velho. Mostrar todas as postagens

segunda-feira

Pontos cantados



Zé pilintra 
Eu encontrei,Zé Pelintra na estrada,Chorava pelo amor de suaamada,Ele chorava, por uma mulher,Chorava por uma mulher,Oi chorava por uma mulher,Que não lhe amava. (Bis)
Aquela casa de pombo,Aquela casa de pombo,Só dá pra dois morar...Aquela casa de pombo,Aquela casa de pombo,É do meu povo girar...Eu e você!...Você e eu!...(Bis)Se eu te magoei!...Foi sem querer!...(Bis


 NÁ ENA É MOGIBÁE
na ena é Mogibá, ê...É Mogibá, (bis)Soltaram o pombo lá na mata,Mas na pedreira não posou,Foi pousar na encruzilhada,Seu Sete Encruza quem mandou,Foi pousar na encruzilhada,Seu Tranca Rua quem mandou,Foi pousar na encruzilhada,Exú Veludo quem mandou.Ena ena é Mogibá, ê...É Mogibá, (bis)Soltaram o pombo lá na mata,Mas na pedreira não pousou,Foi pousar na encruzilhada,Seu Tiriri foi quem mandou,Foi pousar na encruzilhada,Arranca Toco quem mandou,Foi pousar na encruzilhada,Seu Tranca Gira quem mandou.Ena ena é Mogibá, ê...É Mogibá, (bis

EXÚ TIRIRI LANÃExú Tiriri Lanã,Lanã cadê o Tiriri,Mais ele veio de Aruanda,Pra salvar filhos de Umbanda,Exú Tiriri Lanã. (bis)
Oi já bateu a meia-noite,Quero ver quem vem aí...(bis)Vamos firmar nossa corrente,Que aí vem seu Tiriri. (bis)

Padilha
O seu olhar é sereno,O seu olhar me fascina,BisMas ela vem girando,Na linha das almas,É Maria Padilha.BisÉ só toco tambor,É só quando eu canto p'ra ela.BisMas ela vem girando,Na linha das almas,É Maria Padilha. 

O seu Sete sabe,A Rainha vê,A Menina comenta,Que eu amo você.Bis

A Padilha sabe,A Quitéria vê,A Molambo comenta,Que eu amo você.BisTranca Rua sabe,O Veludo vê,Zé Pelintra comenta,Que eu amo você.
Bis
O Caveira sabe,O do Lodo vê,Kalunguinha comenta,Que eu amo você. (Bis)



POMBA-GIRA CIGANA
Eu vinha, caminhando a pé,Para ver se encontrava,Pomba Gira Cigana de fé,BisEla parou e leu minha mão,E disse, toda a minha verdade,Mas eu...Eu só queria saber a onde mora,Pomba Gira Cigana de fé,Bis

Maria padilha das almas

Se você quer patuá,E quiser ganhar,Vá falando com a mulher,Que ela vai lhe ajudar,BisAlubandê pra Maria passar,Oi abre a roda,Que a Padilha vai girar.
Bis
Abre essa cova,Quero ver tremer,Abre essa cova,Quero ver balancear.BisOi Maria Padilha das AlmasO cemitério é o seu lugar,É no buraco que a padilha mora,É lá na lomba que a Padilha vai girar.BisOi abre essa cova,Quero ver tremer,Abre essa cova,Quero ver balancea
MARIA MOLAMBO
Se o teu pó é real,Se o teu pó é real,Molambo é a Pomba Gira,Que carrega uma vassoura,BisVem da Calunga vem,Vem da Calunga vem,Maria Molambo,Que carrega uma vassoura.
Bis



POMBA GIRA DAS SETEENCRUZILHADAS
Rosa Vermelha,Rosa Vermelha sagrada,É a Pomba Gira,Das Sete Encruzilhadas,Bis
Quando ela vem, girando,Dançando e dando risada,Cuidado amigo, que ela está,De saia rodada,BisOi Exú é Pomba Gira,Das Sete Encruzilhadas, (bis

EXU MARÉ
Exú Maré, Maré, Maré...BisAfirma o seu ponto,Levanta o quatro pé,Afirma o seu ponto,Vem chegando Exú Maré
Exú Maré,Pomba Gira da Praia,Exú na areia

CIGANA SETE SAIAS
Quando a lua sair,Quando a lua sair ô, ô...E o cruzeiro iluminar,A mais bela das giras,Sete Saias vai girar !... Bis

ELEBÓ DE EXÚ
Olha o elebo  de ExúQuem quer, quem quer,Quem vai querer!...Você pode comer,Você pode beber!... (bis)

EU VOU CHAMAR MEU POVO
Eu vou, eu vou,Eu vou mandar chamar meu povo!BisEu vou mandar chamar meu povo,Lá nas sete encruzilhadas,Eu vou mandar chamar meu povo,Sem Exú não se faz nada! (bis)

EXÚ JOÃO CAVEIRA
Ele mora na pedra dourada,Onde não passa água,Onde não brilha o sol...BisMas ele é João Caveira é,É o exú das almas,Da calunga auê... (bis)


Caveira, Caveira!...Olha o teu povo te chamou,Pra trabalhar. (bis)Portão de ferro,Cadeado é de madeira.O dono da calunga,Ainda é o Exú Caveira. (bis)
Olha lá quem vem lá,Descendo a ladeira,Olha lá quem vem lá,É o Exú Caveira. (bis

ZÉ PILINTRA
Está vendo aquele moço,Sentado logo ali,Todo de terninho branco,Chapéu de palha,Olhando pra mim. (bis)É Zé Pilintra é,Ele é o Zé,Ele é malandro,Ele é boêmio,Ele é o Zé. (bis

EXÚ VELUDOAuê Exú Veludo,Seu cabrito deu um berro.(bis)Rebentou cerca de arame,Estourou portão de ferro.
EXÚ DO LÔDO
Exú do Lôdo,Do Lôdo ele é odê.Quem é esse exú,Agora eu quero ver. (bis

CABOCLO ROXO
Caboclo Roxo,Comedor de carne crua.Firma seu ponto,No meio da rua. (bis)Firma o sol,Firma a lua,chegou sete encruza ,No meio da rua.
 (bis)
Eu vinha vindo devagar,e divagar eu vim  ligeiro,chegou a falangr  Sete Cruzeiros.(bis)Firma o sol,

TIRIRI LANANa
hoje tem festa lá na praça,Lanan com seu Povo Cigano.Mas ele toca seu lindo violino,Para saudar a Cigana do Jarro. (bis)Mas ele toca para seu rei,Para seu rei Tiriri Lanan.Alupandê à Cigana do Jarro!Alupandê Tiriri Lanan. Bis



POMBA GIRA RAINHA
A Rainha chegou no reino,No reino a Rainha chegou.(bis)Ela vem lá do cruzeiro,Foi seu Sete quem mandou. (bis)Ela sacudiu os ombros,Ela se balanceou. (bis)Ela vem lá do cruzeiro,Foi seu Sete quem mandouVocê sabe quem sou eu!...Você sabe quem sou eu!...Eu giro à meia-noite,Eu giro ao meio-dia,Eu giro a qualquer hora.Você sabe quem sou eu!...Você sabe quem sou eu!...Eu sou Exú Mulhe

FOI VOCÊ QUEM FALOU
Molambo foi você quem falou,Foi você quem falou,Que gostava de mim.Maria Molambo, foi você quem falou,Foi você quem falou,Que gostava de mim. (bis)Maria Molambo quando você for embora,Quando você for embora!Deixe uma rosa pra mim. (bis


EXU MARIA QUITÉRIA
Quando eu bato palmas,Saravá encruzilhada. (bis)Saravá Exu mulher,Saravá Maria Quitéria,Rainha da madrugada. (bis)
Existe um Exu mulher,Que não passeia a toa;Quando passa pela encruza,Maria Quitéria não vacila,Ela não faz coisa boa.
POMBA-GIRA QUITÉRIAAli vem Sá Maria Quitéria,Trazendo um axé no pé;Balançando sua saia,Reforçando a nossa fé

EXU POMBA-GIRA
Iansã que lhe deu força,É rainha no Candomblé. (bis)Vamos saravá a rainha,Pomba-Gira Exu Mulher. (bis)
Aê, Pomba-Gira,Cadê sua saia rodada? (bis)Cadê sua saia linda,Rainha de encruzilhada?
POMBA-GIRA MENINA
Olha que menina linda,Olha que menina bela,É Pomba-Gira Menina,Me chamando da janela. (bis)Gira Menina, Gira,Gira que eu quero ver...Gira linda Menina,Que o Exu não tem querer

terça-feira

Ritual satânico - invocação de demônios

Ritual satânico - invocação de demônios


Como em outras vezes, como se o passado obscuro algo secreto nos tinha seguido, o diabo volta para resolver entre nós, você tem que admitir. E desta vez ele tem cheia de som e fúria, não só para nos lembrar que a realidade é maior do que a nossa imaginação, mas que é composta de questões de questões completamente além da imaginação humana.

Muitos detalhes foram liberados pela disseminação nervoso e com medo da imprensa diária.

A história de terror para mais simples. O menino foi seqüestrado em 06 de abril de 1992 Abagge Beatriz, filha de prefeito municipal ambiciosos daquela cidade. Isso o levou em seu carro, coloque um pedaço de algodão na boca como uma mordaça, porque a criança chorava, e levou-o para as instalações de uma serraria de propriedade de seu pai, que o deixou amarrado à expectativa do dia Em seguida, o sacerdote de Paula Ferreira realizar o sacrifício. Beatriz procurou o poder de seu pai. A tarifa é oferecer o poder demoníaco segredo, ea tentação do poder é mal resistiu por seres humanos.

Sete pessoas, sete da noite de 07 de abril (a presença insistente do número sete não é de forma alguma, casual) se reuniram na instalação. Com eles havia um Aquila, o navio ritual para receber as entranhas de sua escolha.

O pai, dedicado, aparentemente , a notícia é confusa, a Ogun ou o deus Exu, uma das personalidades do diabo e, portanto, qualificado para realizar a cerimônia, começou a estrangular a criança com uma corda. O seqüestrador, Beatriz, esteve presente com sua mãe, Celina. Os outros participantes foram hábeis em Ferreira.

Vicente de Paula Ferreira puxou o nó do laço até que o menino parou de tremer. Apenas morto, com uma faca afiada, cortou sua garganta. O navio foi o inocente vai sarar. Então, com um serrote, passou a abrir o corpo e remover os órgãos internos, que também foram depositados no Aquila. Em um momento da cerimônia os peticionários, mãe e filha, saiu de cena, não resistir ao horror da matança e foram substituídos por outros seguidores do sacerdote pagão.

Depois da orgia de sangue, drenar o corpo de Evandro foi pequena, embrulhada num saco e saiu. Aparentemente, este é um dos personagens tristes de crianças desaparecidas dez suspeitos de estarem, por sua vez, morto pela seita no Brasil. L nova pesquisa posto em prática no final de julho, apontando para a existência de outras vítimas, não só no Brasil como na Argentina, Bolívia e, talvez, possivelmente, alguns outros assassínio ritual, no Chile. Deve ser feito de que, e desde os tempos antigos, há indícios dessas práticas mal no Haiti e do estado de Louisiana, nos EUA, os caminhos da sede macumbeiros um movimento forte.

quarta-feira

Oração quando se sai das portas fora:

Oração quando se sai das portas fora:
Agora e na boa hora
Que eu saio da minha casa para fora
O anel de S. Miguel levo na minha gola
Quem mal me queira fazer
Deus as queira arrepender
Tenha pernas e não ande
Tenha braços e não mande
Tenha boca e não fale
Tenha olhos e não veja
Peço a Deus que me proteja

Oração para dormir bem:

Oração para dormir bem:
Ilda se vai deitar
Três anjos a vão guardar
Dois aos pés e um à cabeceira
Nossa Senhora na dianteira
Benza-se ela, benzo-me eu
Bendita seja a hora
Em que o Senhor nasceu
Em Belém se toca a missa
Os anjos a dizem e a Virgem a adora
Bendita seja a alma
Que se deita nesta hora

Oração para afastar os ratos:

Oração para afastar os ratos:
S. Jorge tinha nove filhos
Dos nove que lhe ficaram já não tem senão oito
Dos oito que lhe ficaram já não tem senão sete
Dos sete que lhe ficaram já não tem senão seis
Dos seis que lhe ficaram já não tem senão cinco
Dos cinco que lhe ficaram já não tem senão quatro
Dos quatro que lhe ficaram já não tem senão três
Dos três que lhe ficaram já não tem senão dois
Dos dois que lhe ficaram já não tem senão um
Leve o diabo os ratos todos
Que não fique aqui nenhum

Oração para espalhar as trovoadas:



Oração para espalhar as trovoadas:
São gritos ao calvário Senhora
Que será isto?
São ais de Nossa Senhora
Da morte de Paixão de Cristo
E que dor seria aquela
Em que a Virgem padeceu?
Foi quando nos seus braços viu
Que seu filho Jesus morreu
Se aclare que está aberto
Bordurado por dentro
Onde os anjos vão cantar
Ao Divino Sacramento
Divino Sacramento que estás nessa custódia
Dá-nos neste mundo vida
E no outro eterna glória


Oração para dizer durante a trovoada:
Ouvi uma trovoada
Acolhi-me a um trovisco
Bradi por Santa Bárbara
Acudiu-me Jesus Cristo

Para loucos e doentes mentais

Para loucos e doentes mentais

O benzedor deverá pegar um galho de arruda, molhar em água benta e agitar sobre a cabeça do doente, recitando as seguintes palavras:

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ouvi, Senhor, favoravelmente, as humildes preces que vos dirigimos por intermédio de São Gildásio e fazei com que sejamos auxiliados pelos méritos desse Santo, que vos serviu tão fielmente. São Gildásio, levai perante o trono da Justiça Divina a prece que vos dirijo, a fim de auxiliardes (nome da pessoa), curando ou aliviando seus males, para maior glória de Deus. Assim seja.

Repita três vezes as seguintes palavras:

São Gildásio, que socorreis eficazmente os que têm a infelicidade de perder a razão, orai por (nome da pessoa). Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Reze em seguida um Creio em Deus Pai, um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e uma Salve-Rainha.

benzendo cobreiro

Para cobreiro

O benzedor deverá benzer o paciente e fazer esta reza ao mesmo tempo.

Na proteção do Senhor, que fez o céu e a terra, eu entrei em Roma, em romaria, benzendo cobra, cobraria. Corto cabeça, corto meio, corto cobreiro. Mal entrei em Roma, romaria, benzendo lagartixa, lagartixaria, corto cabeça, corto meio, corto rabo, corto cobreiro. Mal entrei em Roma, romaria, benzendo sapo, saparia, corto cabeça, corto meio, corto rabo, corto cabeça, corto cobreiro, com os poderes de Deus e da Virgem Maria. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
 
 
Oração para curar cobreiro

Antes de iniciar a oração, deve-se ter a mão uma faca de boa qualidade de cabo preto. Enquanto se diz a oração vai-se passando a faca sobre o local onde se encontra o "cobreiro" em forma de cruz.
"Eu te corto coxo, coxão, sapo, sapão, cobra, cobrão, lagarto, lagartão e todo bicho de má nação para que não cresças, nem dobre o rabo com a cabeça.
Santa Iria três filhas tinha: uma se assava, a outra se cozia e a outra pela água ia.
Perguntou Nossa Senhora, que lhe faria ?
Que lhe cuspisse e assoprasse que sararia".
(Cospe-se e assopra-se, ainda que simbolicamente)
1 Pai Nosso e 1 Ave Maria

terça-feira

PÓ DE PEMBA "ATIM" INGREDIENTES

-->
INGREDIENTES DO  ATIM

Açucar mascavo
Cinzas de carvão  vegetal
Orogbô ralado
Obi. Ralado
Dandâ da Costa ralado
Lelecum. em pó
Canela, em pó
Sandalo em  pó
Erva.doce
Aridã ralado
Noz-moscada ralada
Pitchuri em pó
Corimã  ralada
Folha de capeba seca.

INGREDIENTES DO  ATIM

Açucar mascavo
Cinzas de carvão  vegetal
 Orogbô ralado
Obi. ralado


ROSA PARA ABRIR CAMINHOS NO AMOR

-->


Pegue uma rosa branca e coloque dentro de um copo de água e acrescente uma pitada de sal e algumas gotas de essência de alfazema (no máximo 5 gotas). Deixe este arranjo ate que todas as pétalas caiam naturalmente. Junte as pétalas com a água do copo em dois litros de água e tome banho da cabeça aos pés. As pétalas depois, coloque-as num jardim ou num vaso.
 auto hipnose completo saiba já sua outras encanaç...
 ORAÇÃO PARA A QUEBRA DA MALDIÇÃO

segunda-feira

Simpatia da Banana da Terra para uniao

-->


relato

Macumba! Palavra forte, não? Mas quem nunca a pronunciou, quem nunca acreditou que já tenha sido vítima de uma, quem nunca quis fazer alguma? Desde pequena eu gosto dos assuntos ligados ao poder mágico da macumba (ou umbanda ou candomblé se você prefere assim), sempre gostei daquelas revistas "Boa Sorte" e "Guia Astral". Foi numa dessas revistas que vi a propaganda do livro "Como Agarrar Seu Homem Pela Magia" da Maria Helena Farelli, eu era bem jovem, devia ter uns 12 anos, encomendei o livro e o guardei na casa de outra pessoa - nessa ocasião eu apenas o li, não experimentei nada. A vida seguiu seu rumo, namorei pouco, mas aproveitei bastante (sei que você entende o que quero dizer) e então conheci um rapaz; nossa situação era bem parecida, ele era livre como eu, também teve suas namoradas e da mesma forma, nada sério até então, ficamos durante uns 2 meses e do nada ele rompeu. Fiquei triste porque eu estava cansada de ficar com um e com outro e com outro e com um, eu queria alguém pra mim, pra ir namorar como a maioria das pessoas namoram, pra assistir TV juntos, pra andar de mãos dadas na rua, fiquei triste por isso, porque eu queria que aquela história desse certo, que com ele as coisas fosse pra frente, entende?
Isso foi no ano de 2002, em junho desse ano caiu nas minhas mãos uma revista com simpatias para arranjar namorado. Eu criei coragem e fiz essa:

Escreva o seu nome e o dele em 5 papéis; descasque 5 bananas e enrole um papel em cada uma. Depois, amarre uma fita amarela para bem prender os nomes à banana. Tenha igual procedimento com as demais. As bananas devem ser colocadas em forma de estrela em um prato branco que deverá ter no centro uma vela branca acesa. Tenha o cuidado de passar bastante mel em tudo, isto é, nas bananas, nos papéis e até na vela. Entregue na natureza e mentalize para Oxum o seu desejo.

Eis que em setembro de 2002, voilà, reatamos! Namoramos e nos casamos. Ao todo ficamos juntos pouco mais de 7 anos. Alguns dizem que esse tipo de macumba tem prazo de validade, outros dizem que essas coisas não se acabam, enfim... quem se importa, não é mesmo? Em junho do ano passado a situação entre nós ficou muito difícil e ele saiu de casa. Eu sofri muito, chorei outro tanto e queria que ele voltasse, mas relutava em fazer outra amarração. Queria que ele ficasse comigo por amor e não por obra de magia, acendia minhas velas, fazia meus banhos e pedia para ele voltar se fosse melhor pra nós dois que ficássemos juntos; fiquei firme nesse pensamento até que soube que ele estava sassaricando com outra por aí. Nessa hora "a água bateu na bunda" e eu mandei às favas a ideia de ficarmos juntos por amor. Entendi que eu quero o meu marido de volta, quero o que é meu, não quero o que é do outro, quero o homem que me deu o nome dele, quero que meu marido volte para onde ele nunca deveria ter saído. E então peguei o livro da Maria Helena Farelli novamente. Não o quero por capricho, o quero porque o amo, quero que ele volte para fazê-lo feliz, para corrigir o que não foi acertado e se as pessoas fazem macumba para conseguir trabalho, para curar doença, qual o problema em fazer macumba para curar dor de amor? A minha dor de amor será curada quando meu marido voltar pra mim. Eu tenho certeza de que quero de volta o que é meu, não estou tirando o homem de ninguém; se alguém está com o homem que pertence a outra com toda certeza não sou eu, até porque perante a lei o marido é meu. E sou filha de Oxum, portanto tenho o direito de ser feliz onde minha mãe reina, não é mesmo?
Decisão tomada, me lembrei que magia tem que ser feita na força da lua, está lá num capítulo do livro. Calendário na mão, fui à feira e encomendei a banana. Nunca vou me esquecer da expressão da feirante quando eu disse que precisava de uma banana da terra verde, bem verde para dali a 2 semanas... Ela me deu seu telefone e pediu para eu lembrá-la um dia antes. Quando eu fui buscar a encomenda, pensei que se ela tivesse trazido seria um bom sinal. Guardei a banana com o maior cuidado para que o processo de amadurecimento não se acelerasse, já que no mês de janeiro é um calor sem igual. Você pode embrulhar a banana em papel toalha para que ela não absorva umidade e guardá-la na gaveta da geladeira, também é recomendado que você regule a temperatura da geladeira para o mínimo possível (eu deixei a minha no nível 2). Dizem também que não é bom que as pessoas saibam que você fez algum tipo de magia, só que nesse caso não tinha jeito. Eu não posso deixar a oferenda na minha casa, então pedi para uma amiga (tomei o cuidado de pedir para uma amiga que meu marido não gosta para não arriscar nada) que me acompanhasse até o local onde eu faria a entrega. Esperei que a noite caísse para que a Lua Cheia mostrasse toda sua força e beleza e lá fui eu para uma praça num bairro distante da minha casa. Fiz essa entrega para Mamãe Oxum:
Numa banana da terra verde faça um corte de comprido de tamanho suficiente para colocar um pedaço de papel ali dentro (é um corte e não um buraco). Dentro do corte coloque um papel com o nome do amado escrito (eu sempre uso papel branco sem pauta e escrevo a lápis, porque o lápis vem da natureza), enrole um carretel inteiro de linha em volta da banana (no livro não tem indicação de qual cor deve ser a linha - usei linha amarela por ser a cor que representa Oxum). Coloque a banana enrolada num prato branco virgem, por cima coloque mel e açúcar (usei açúcar cristal, também seguindo o raciocínio de coisas próximas à natureza). No livro, diz que a oferenda deve ser deixada num cantinho, ou no quintal; como não posso deixar na minha casa, interpretei "um cantinho" como "um local", eu quis deixar na natureza, num lugar que tenha vida, que tenha verde. Dá resultado em 7, 14 ou 21 dias, por isso a pessoa que fizer deve estar bem gamada (é assim mesmo que está escrito no livro, bem gamada) porque o amado virá com a força do vento e das águas de cachoeira.

Nos próximos posts vou relatar o que aconteceu após a entrega. Conto nos dedos os dias para ter meu marido de volta.
http://bananadaterra-eufiz.blogspot.com.br/

domingo

Amarração Simples

-->

Exemplos Populares de Amarração Simples


Para fazer voltar a pessoa amada:

Ás 24h00 de numa noite de sexta feira, quando a lua estiver em Touro, (sob a magnânime regência de Vénus), ou em Escorpião, (sob a poderosíssima regência de Plutão), consagre  uma vela vermelha com mel e óleo liturgico. Deverá depois gravar na vela o seu nome e o nome da pessoa amada. Faça-o com uma agulha previamente mergulhada numa taça de vinho tinto, ao qual foi misturado uma pequeníssima pitada de valeriana. Enquanto grava na vela os nomes com agulha molhada pelo vinho, diga a seguinte oração: «Poderosa e irresistível Iemanjá, sublime Senhora do amor,  este vinho é sangue e nele reside o meu amor, este vinho é meu desejo e também minha dor. Com sangue gravei nossos nomes, e que assim no sangue de, ( nome da pessoa amada),  corra meu sentimento para que de mim não tires o teu pensamento.» Assim dito, a agulha deve ser espetada na vela, de forma a cruzar ambos os nomes, e a vela deve ser acesa. Com a vela já ardendo, assim orar: «Força de Iemanjá, toda poderosa senhora da luz do amor, como arde esta vela, assim arda o coração de ( nome da pessoa amada), por mim. Pelo Teu poder, força de Iemanjá, regresse ele para mim. Assim seja.» Beba o vinho, ele actuará como forte poção de apelo ás forças espirituais de Vénus.Conserve todos os elementos do ritual em local secreto. Se necessário, repetir nas sextas em que a conjunção lunar for favorável. Aguardar os fortes resultados, não forçando eventos, deixando o caminho livre para que a Deusa abra os seus caminhos.

Para atrair o amor:

Numa sexta feira á noite, ( depois das 21h00), coloque uma pétala de rosa vermelha numa taça de vinho tinto. Tape o cálice com um pano de ceda vermelho. Deixe a taça na sua mesa de cabeceira, e ao deitar pense: «Vênus, senhora do amor, senhora dos meus destinos: aceitai visitar-me, aceitai minha adoração, aceitai meu puro coração. Vinde a mim e partilhai deste divino vinho que Vos oferendo, e trazei para mim quem eu amo, inflamado pela poderosa chama do irresistível amor de que sois imperatriz. Assim seja» Durma tranquilamente. De manha, ao acordar, bebei o vinho e agradecei á Vênus. A pétala de rosa vermelha deve ser colocada num pequeno saquinho, que deverá andar  sempre junto ao seu corpo: será um fortíssimo chamamento ao amor.

Talismã do amor:

O diamante é a pedra sagrada da Deusa do amor,  a eterna representação do inigualável brilho do planeta Vénus. Numa sexta feira, ás 24h00, faça oferendas de mal vinho licoroso e incenso á Iemanjá. Deixe que o diamente permaneça no altar dedicado vénus por toda essa noite. De manha, quando o sol estiver nascendo, colocai o diamante num saquinho. Usai-o sempre junto do corpo e toda a sexta feira repita o ritual. Será poderoso talismã desblqueador de caminhos e protetor do amor.
Amarração para sedução:

Pegue uma maçã bem vermelha e espete diversos cravos-da-índia, em toda extensão da fruta. Em seguida, mergulhe a maçã no mel e deixe de um dia para o outro. Envolva-a numa folha de papel cor-de-rosa nova e entregue num jardim florido, de manhã bem cedo, de preferência um pouco antes do nascer do Sol.

Amarração de reconciliação:


Unte uma vela vermelha com óleo de sândalo (lembre-se de fazer movimentos ascendentes) e acenda-a no meio de um prato branco que nunca tenha sido usado. Ao lado, acenda um incenso de rosas. Com a ponta de um punhal virgem, corte a tampa de uma maçã vermelha e grande e retire parte da polpa. Usando um lápis, escreva sete vezes o nome completo do seu amado numa tira de papel e coloque o seu nome por cima do dele, de modo que as letras fiquem entrelaçadas. Ponha esse papel dentro da maçã, despeje um punhado de canela em pó e acrescente mel, até preencher o interior da fruta. Recoloque a tampinha da maçã, amarre tudo com uma fita vermelha de cetim e passe a fruta sete vezes pela fumaça do incenso, mentalizando que a paz e o amor prevalecerão e você e seu par reencontrarão a felicidade.
Para atrair um novo amor:
Coloque um cristal de quartzo rosa em um copo d’água pela manhã e lave o rosto com esta água no final da tarde, mentalizando as coisas boas e harmoniosas que você deseja atrair para sua vida: paz no relacionamento, maior poder de sedução, paciência, capacidade de compreensão, relações verdadeiras, etc.

Para aquecer o romance:
Depois do pôr-do-sol, coloque três colheres de mel puro numa garrafa de vinho tinto e tampe-a muito bem. Balance-a cuidadosamente, para que o mel se misture ao vinho, e deixe ao ar livre. Antes do amanhecer, recolha a garrafa e guarde-a muito bem. Sirva um cálice desse vinho à pessoa amada na próxima vez em que for encontrá-la. Com toda certeza, o sentimento que existe entre vocês vai se fortalecer ainda mais após essa cerimônia. Essa bebida só pode ser consumida por pessoas que não tenham contra-indicações relacionadas ao álcool!

Para facilitar os flertes:
Pegue uma dúzia de rosas vermelhas, duas velas também vermelhas, algumas conchas do mar ou seixos de rio, um incenso de rosas, um pouco de mel e um punhado de sal grosso. Tome um banho demorado e, ao terminar, despeje sobre o corpo um litro de água misturada com sal grosso. Coloque uma roupa vermelha e espalhe as rosas pelo chão, dispondo-as de tal maneira que elas formem um círculo. Sente-se no meio desse círculo, acenda o incenso e as duas velas à sua frente (lembre-se de colocá-las dentro de um pratinho) e espalhe as conchas ou seixos em volta. Olhando fixamente para as chamas das velas, peça o que você quer: charme, beleza, sensualidade, poder de sedução... Permaneça nessa posição o máximo de tempo que você puder. Os resultados serão surpreendentes e não vão demorar muito para aparecer!

Para ver um futuro amor:
Caso esteja solitário e queira saber como vai ser seu próximo par amoroso, experimente realizar o ritual dos sonhos reveladores. Pegue o arcano número 6 do tarô, chamado Os Enamorados (em alguns baralhos, essa carta também é chamada de Os Amantes) e coloque-o sob o seu travesseiro antes de dormir. Será importante não conversar com ninguém depois de fazer isso. Concentre-se no seu pedido e peça mentalmente para as deusas da natureza revelarem o seu futuro. É provável que a revelação venha por meio de um sonho, na mesma noite do ritual. Porém, é bom que você tenha em mente que nem sempre esse feitiço surte o efeito desejado: às vezes, o momento não é o mais propício para desvendar o futuro

Amarração para aguçar o tesão:
Pegue um vidro de boca larga e coloque dentro dele um punhado de pétalas de jasmim, uma mecha dos seus cabelos, algumas raspas das suas unhas e fragmentos de teia de aranha (prefira pegar uma teia "abandonada", ou seja, que não esteja com o bichinho. Se por acaso você matar a aranha, o feitiço não surtirá o efeito desejado). Escreva o nome do seu parceiro numa folha de louro e coloque dento do vidro, acrescentando sete gotas do seu perfume favorito. Tampe o vidro com firmeza e deixe-o ao relento durante a noite, retirando-o no dia seguinte antes do Sol nascer. Guarde num lugar seguro, fora do alcance de qualquer outra pessoa. Você vai ver como seu relacionamento vai melhorar!
Para manter o parceiro fiel:

Espalhe um pouco de canela em pó dentro dos sapatos do seu amor. Enquanto estiver fazendo isso, diga em voz alta aquilo que você deseja: que o seu amado se mantenha fiel, que ele nunca minta para você, etc. Repita esse processo semanalmente, para assegurar a continuidade do feitiço.

Para ficar atraente:
Leve ao fogo um caldeirão contendo um litro de água mineral. Pegue sete rosas amarelas (de preferência colhidas por você mesmo) e vá jogando as pétalas dessas flores suavemente dentro do caldeirão, enquanto pede para as deusas da terra lhe trazerem amor, prosperidade, abundância, etc. Em seguida, adicione sete tirinhas de papel com o seu nome escrito a lápis. Assim que entrar em ebulição, retire do fogo, coe num recipiente qualquer e adoce tudo com um punhado generoso de açúcar. Despeje essa poção do pescoço para baixo depois do seu banho habitual.
Para melhorar a relação:
Unte uma vela cor-de-rosa com óleo ou essência de patchuli. Com a ponta de um alfinete que nunca tenha sido usado, grave o nome da pessoa amada. Acenda a vela e olhe fixamente para ela, mentalizando o rosto do seu parceiro. Em seguida, repita o processo com outra vela da mesma cor, escrevendo seu nome completo. Coloque as duas bem juntinhas, de modo que, ao derreterem, suas ceras se juntem. Acenda sete varetas de incenso de rosa ou sândalo, colocando-as em torno das velas acesas, de modo que formem um círculo. Haverá uma sensível melhoria na sua vida pessoal!

Amarração para conquistar alguém:
Num caldeirão de ferro, coloque um litro de água mineral e adicione os seguintes ingredientes: um punhado de folhas de louro, um punhado de pétalas de rosas de várias cores, sete lascas de canela em casca e uma colher de sopa de anis estrelado. Assim que o líquido entrar em ebulição, retire do fogo e coe num outro recipiente. Acrescente três colheres de sopa de açúcar cristal a essa mistura e despeje da cabeça aos pés depois de tomar o seu banho habitual. Faça esse ritual antes de ir ao encontro da pessoa em quem estiver interessado.

Para fazer as pazes:
Se você teve um desentendimento com o seu amor e deseja se reconciliar rapidamente, pegue um saquinho de cetim branco, um quartzo cor-de-rosa de tamanho pequeno e algumas folhas secas de erva-cidreira. Em seguida, escreva seu pedido numa folha de papel cor-de-rosa. Triture a erva-cidreira e coloque-a no saquinho, juntamente com o cristal e o papel, e deixe exposto ao luar durante uma noite inteira. Recolha o saquinho antes de amanhecer. Coloque tudo na sua gaveta de roupas íntimas e espere. Você e seu amor farão as pazes num prazo máximo de oito dias.

Amarração para manter um amor:
Num vidro de boca larga, coloque pétalas de rosas de todas as cores, uma mecha dos seus cabelos, raspas das suas unhas e um objeto de uso pessoal do seu amor (pode ser uma meia, uma roupa fora de uso, etc.). Acrescente algumas gotas do seu perfume predileto e feche o vidro firmemente. Em seguida, acenda uma vela vermelha e lacre a tampa do vidro com gotas da cera da vela derretida. Enterre esse vidro ao pé de uma árvore frondosa durante 21 dias. Passado esse tempo, guarde o vidro num local onde não possa ser visto ou tocado por outras pessoas.

Para manter o relacionamento:

Pegue sete margaridas (de preferência, colhidas por você) e deixe-as sob o travesseiro até o dia seguinte. Ao amanhecer, ferva-as em meio litro de água mineral. Quando a água entrar em ebulição, retire a poção do fogo e deixe esfriar. Mergulhe um sabonete novo nesse líquido e retire-o após uns quinze minutos. Tome banho com esse sabonete na próxima vez em que for encontrar a pessoa amada. O relacionamento de vocês vai ganhar um novo vigor.

REZA BRAVA PARA SANTO ANTONIO "COISAS DO AMOR"

-->

SANTO ANTONIO "COISAS DO AMOR"

REZA BRAVA PARA SANTO ANTONIO "COISAS DO AMOR"

Oração dos três pedidos a Santo Antônio

Esta oração destina-se a recuperar objetos perdidos, lembrar os
esquecidos, casos de justiça e casos amorosos.
Meu glorioso padre Santo Antônio

vós que abrandais as fúrias bravas dos campos,
ps ventos furiosos,
os mares tempestuosos,
fazei o meu pedido.

Neste momento pede-se o que se deseja e reza-se uma ave maria, uma salve rainha e um
creio em deus pai.
Meu glorioso padre Santo Antônio

pelos 3 dias que andaste em
busca do vosso santo breviário,
pela agonia que tivestes
quando o perdeste,
pela alegria que tivestes
quando o achaste, fazei meu pedido.

Neste momento pede-se o que se deseja e reza-se uma ave maria, uma salve rainha e um
creio em deus pai.
Meu glorioso padre Santo Antônio

pela hora que o anjo anunciou
a morte do vosso pai,
martins de bulhões,
pela alegria que tivestes quando
o livrastes,
pelo vosso hábito,
pela primeira missa que celebraste,
pelo vosso batismo,
pelo gosto que destes à
vossa madrinha,
obtende o que desejo.

Meu glorioso padre Santo Antônio
vós que fostes aquele que livrou
o vosso pai, martins de bulhões,
que estava preso ao pé da forca
de Lisboa para morrer enforcado.
Assim espero, meu glorioso
padre Santo Antônio,
por alma de vossa tia e madrinha
que me mostres este milagre,
por nosso senhor Jesus Cristo,
Amém!

Neste momento rezam-se 5 ave marias, cinco pai nossos e cinco glória ao pai.

Sintomas de Possessão de Espíritos

-->
Existem coisas que acontecem na vida das pessoas, que não são normais. Motivo este que uma pessoa inteligente, ótimo currículo, experiência profissional, não consegue nada. Isso estende-se a todos os lados da vida. Motivo? A pessoa está sendo vítima de um espírito malígno(encosto). Para reconhecer uma pessoa possessa por espíritos malignos, precisamos estar atentos aos seguintes sinais:
NERVOSISMO
Os demônios podem se alojar em diversas partes do corpo, inclusive no sistema nervoso. Pessoas possessas tendem a ser muito nervosas e, por isso, acumulam uma sucessão de fracassos nas relações familiares e sociais. Muitas se tornam viciadas em calmantes por anos, sem que possam resolver o seu problema. As páginas policiais dos jornais estão repletas de crimes que só podem ser justificados sob a ótica da possessão demoníaca: “Todos os dias do aflito são maus…” (Provérbios 15.15).
DORES DE CABEÇA

 Ritual para Ver as Entidades

No livro Orixás, Caboclos e Guias: Deuses ou Demônios?, contamos a história de uma mulher que se queixava de dores de cabeça terríveis e constantes. Até que, ao receber oração, vários espíritos se manifestaram e revelaram estar causando todo aquele sofrimento: “Tendo chamado os seus doze discípulos, deu-lhes Jesus autoridade sobre espíritos imundos para os expelir e para curar toda sorte de doenças e enfermidades.” Mateus 10.1
INSÔNIA
É comum o fato de pessoas procurarem a Igreja com a queixa de que, mesmo tomando muitos remédios, não conseguem dormir. Quando recebem a oração da cura, no entanto, descobrem que a ausência de sono é causada por demônios, que são desmascarados e se manifestam. Após serem libertas, as pessoas conseguem ter uma vida normal: “Em paz me deito e logo pego no sono, porque, Senhor, só tu me fazes repousar seguro.” Salmos 4.8
MEDO
Indivíduos que estão possessos sentem medo obsessivo de todas as coisas. Estão sempre esperando uma catástrofe acontecer e vivem com a chamada síndrome do pânico.
Muitas pessoas escutam vozes ou têm premonições de desgraças sem qualquer motivo. Para se sentirem protegidas, usam amuletos, recorrem a terreiros de macumba ou a gurus esotéricos, abrindo ainda mais suas vidas para o mal.
Somente quando são libertas, após total entrega de suas vidas a Deus, elas se libertam do medo e passam a sentir segurança:
“No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor.” 1 João 4.18
DESMAIOS
Desmaios freqüentes, tonteiras e náuseas constantes também são sintomas de possessão demoníaca. Indivíduos possessos por Omolu ou Obaluaê padecem de ataques epilépticos, desmaios e convulsões.
Inúmeras pessoas, hoje libertas, podem testemunhar que sofriam de desmaios causados por demônios, que se manifestaram e foram expulsos de suas vidas para sempre:
“E, quando chegaram para junto da multidão, aproximou-se dele um homem, que se ajoelhou e disse: Senhor, compadece-te de meu filho, porque é lunático e sofre muito; pois muitas vezes cai no fogo e outras muitas, na água.” Mateus 17.14,15
DESEJO DE SUICÍDIO
Os espíritos opressores atuam na mente de suas vítimas, plantando idéias de autopiedade, insatisfação, rejeição e desespero, de forma que elas tenham o desejo de morrer. Todos os anos, milhares de pessoas se matam na ilusão de que estão escapando de seus problemas quando, na verdade, o que fazem é perder a salvação de suas almas. Felizes são as que conseguem chegar a uma igreja onde recebem a libertação, antes de consumarem suas idéias suicidas:
“Livra os que estão sendo levados para a morte e salva os que cambaleiam indo para serem mortos.” Provérbios 24.11

CONFUSÃO MENTAL

Os hospitais psiquiátricos e manicômios judiciários estão repletos de vítimas dos demônios que, antes de choques ou injeções de tranqüilizantes, necessitam do poder de Deus:
“Então, saiu o povo para ver o que se passara, e foram ter com Jesus. De fato, acharam o homem de quem saíram os demônios, vestido, em perfeito juízo, assentado aos pés de Jesus; e ficaram dominados de terror.” Lucas 8.35
“Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.”
João 8.36
Não podemos afirmar que todos os que sofrem de um ou mais dos sintomas mencionados estejam possessos. Mas devem, no entanto, participar de correntes de libertação, para que as suspeitas sejam eliminadas. Muito dinheiro gasto com tratamentos de saúde poderia ser poupado se as pessoas recorressem primeiramente a Jesus. Na Bíblia, lemos que uma mulher gastou tudo o que possuía com médicos, antes de ser curada pelo Senhor: “Certa mulher que, havia doze anos, vinha sofrendo de uma hemorragia, e a quem ninguém tinha podido curar e que gastara com os médicos todos os seus haveres, veio por trás dele e lhe tocou na orla da veste, e logo se lhe estancou a hemorragia.” Lucas 8.43,44
Muitos sabem que são possessos e não participam de cultos de libertação por vergonha, preconceito ou orgulho. Agindo dessa forma, deixam escapar a vida abundante que o Senhor Jesus Cristo oferece: “O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.” João 10.10
Uma pessoa liberta pode tornar-se um canal de bênçãos nas mãos de Deus, ajudando a libertar muitas outras vidas. Exatamente como aconteceu com um homem endemoninhado que vivia na terra dos gerasenos, fronteira da Galiléia:
“O homem de quem tinham saído os demônios rogou-lhe que o deixasse estar com ele; Jesus, porém, o despediu, dizendo: Volta para casa e conta aos teus tudo o que Deus fez por ti. Então, foi ele anunciando por toda a cidade todas as coisas que Jesus lhe tinha feito.” Lucas 8.38,39
Você poderá saber mais sobre esse assunto lendo os livros Orixás, Caboclos & Guias: Deuses ou Demônios?, Nossa Batalha, O Diabo e Seus Anjos, e Doutrinas da Igreja Universal do Reino de Deus, publicados pela Editora Gráfica Universal.

Postagens populares

entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página

Minha lista de blogs